giovedì 24 giugno 2010

Conto - 2003 - Iosif Landau


conta-me uma história
de muitas estrelas
e de profundo carinho,
de amor e paixão,
de perfume e flores,
de borboletas multicolores,
mas se não sabe de nenhuma,
se não se lembra da infância,
se não sente saudade do primeiro beijo,
pronuncie apenas meu nome
como naquele dia
em que eu nunca imaginara
que você o conhecia.

7 commenti:

TORO SALVAJE ha detto...

:)

Es precioso.

Besos.

expressodalinha ha detto...

E o mundo se renova...

Kovacs ha detto...

Que lindo texto, é mesmo para esquecer de respirar, o seu irmão será sempre um gênio pot toda a eternidade. Obrigado por dividir esta preciosidade com os amigos.

Marcos Mantovani ha detto...

Myra!
Adorei ler as partes da tua biografia!!!

Um abraço, carinhoso!

Luísa ha detto...

Conta-me uma história...

Desejos de amor e carinho, num conto segredado!
Beijinho terno!

Vivian ha detto...

...ah
minha querida linda!!!

quando me encanto perco
o fio da meada, perco
a voz, e meus dedos
não obedecem as palavras.

então deixo beijos
para o poeta e você!

smackssssssssssssssss

ma grande folle de soeur ha detto...

simplesmente belo :) baci