lunedì 7 marzo 2011

caminho sem fim


nada mais deprimente
que um caminho sem fim

12 commenti:

João Menéres ha detto...

Mas o fim do caminho, por sua vez, não é coisa que me seduza...

Um beijo, querida MYRA.

chica ha detto...

Instigante e linda...Faz pensar, como sempre!beijos,lindo dia de todas nós, apesar de que é todo dia, mas hoje é o oficial,rsrs beijos,chica

Paula Barros ha detto...

A imagem lembra as ruas de paralelepípedo que estou trabalhando.

E querida, tem muito frevo, o tempo todo, somos a Capital do Frevo. Tem bandas tocando a partir das 16h, andando pelas ruas, e os foliões atrás, de todas as idades, famílias inteiras.

E quanto ao que você escreveu, é ruim mesmo, um caminho sem fim...mas tudo tem um fim.

beijo

Luísa ha detto...

Haja caminho!
Que o traçado desse caminho existente seja do nosso agrado e que o seu trajecto se faça sem olhar o fim...
Menos deprimente?
Beijinhos terno pelo cruzamento que fez quendo nos conhecemos...

Wania ha detto...

Myra

... mesmo assim eu ainda prefiro um caminho sem fim ao fim do caminho, como disse o João!
Sigamos em frente... vai que ele bifurque!


Bjs com a força do SOL, minha querida

Ana Martins ha detto...

Boa noite Myra,
contudo, o fim do caminho é sempre triste.

Feliz dia da Mulher.

Beijinho,
Ana Martins

TORO SALVAJE ha detto...

Te entiendo.
Cansa ese camino.

Poco a poco.

Besos.

bondearte ha detto...

Ciao querida Myra!
Eu gostei muito da associação de
imagem e palavras sobre o caminho.
Aqui no Brasil temos um poeta chamado Thiago de Mello,que mora no Amazonas na floresta,e tem poemas lindissimos !
Ele tem um poema que fala sobre o caminho a ser seguido, e neste poema há um trecho que ele diz:
"Eu não invento novos caminhos ,
eu apenas invento um jeito novo de
caminhar sobre o velho caminho!
Myra em tendo tempo veja alguns poemas deste escritor como por exemplo o poema sobre o estatuto dos homens,isto é : caso voce não o conheça!

Memória de Elefante ha detto...

myra querida:

Por mais devorador que seja, o mesmo sofrimento de não "enxergar" o destino nos faz crescer. Ao longo da caminhada surgem forças insuspeitadas em algumas pessoas.


Um beijo!

marina ha detto...

pero es un camino..! cada baldosa es como las teclas de un piano, únicas, pero en su conjunto producen los pasos, la música..!
:-)

un abrazo cálido..!

Lili Detoni ha detto...

Mas, é assim mesmo, querida Myra... os caminhos estão aí, todos os dias... e eu, particularmente, adoro explorá-los, mesmo sem saber se existe ou não um fim.
Bjos, minha linda!
Lili.

De cenizas ha detto...

Camino... de la mano de tus ojos, de tus pinceles, es un camino a la belleza...


besos