mercoledì 20 luglio 2011

in vanno

le parole arrivano

a brandelli

e se ne vanno

sbiadite

sprecate

in una vampata

della mente

insofferente

8 commenti:

Luísa ha detto...

A palavra subsiste numa mulher de bom gosto!
Sai frequentemente silenciosa, em tom baixinho, abafada pela beleza das telas incrivelmente pintadas!
A palavra faz vénia aos belíssimos quadros de Myra Landau!


Beijinho terno, adMYRAvel Senhora!

✿ chica ha detto...

Palavras e tela lindas!Passei voando, com as asinhas batendo, pra deixar um beijo,chica

ma grande folle de soeur ha detto...

mi piace molto :) baci

Paula Barros ha detto...

As palavras vem, pinta ela assim bonito feito você pinta. E dá asas a elas.

Gostei dos detalhes no preto.

beijos e abraços.

expressodalinha ha detto...

No italiano me perco. Fico na grafia da imagem.

Vivian ha detto...

...intolerants ou não,
as palavras nunca poderão
domar a sua arte de encanto!

bacci, amicca!

Para estar junto não é preciso
estar perto, e sim do lado
de dentro.

Leonardo da Vinci

Um Beijo Amigo!!

Memória de Elefante ha detto...

myra!
Adorei as cores, o traço e o poema!

Um beijo

byTONHO ha detto...



as palavras vêm
esfarrapado
e deixar
desbotada
desperdiçado
em um incêndio
da mente
intolerante


Um mapa, ruas,
para ir ao mundo adMYRAvel de Landau!

:o)