ESTE BLOG É DEDICADO A MARIA CECÍLIA OLIVEIRA

giovedì 14 febbraio 2013

o de ontem mais transformado e outro bem diferente

para ver qual gosta mais

10 commenti:

✿ chica ha detto...

Adoro a tua capacidade de transformar. Assim devemos fazer na vida,não?... beijos,chica

Maria Manuela ha detto...

Myra, gosto mais do coração cinza envolvido no verde da esperança...

E muito grata por me oferecer todos os dias estas preciosas transformações, fruto de uma criatividade imparável...

Muitos beijinhos, querida MYRA!

Paula Barros ha detto...

O primeiro me lembra uma mamografia.
O segundo uma escultura em granito.
Gostei mais da segunda.
abraço querida, bom dia.

João Menéres ha detto...

São tão diferentes, Myra, que não sei onde arranjar maneira de os comparar e dizer qual prefiro entre um e outro !...
O que a PAULA BARROS diz lembrar uma mamografia, a mim fez-me recordar um fruto ainda muito longe de estar maduro. Talvez um limão...
O segundo faz lembrar realmente uma escultura.
Para mim, não de granito, mas de aço e com uma moldura muito sui generis !.
Entre dois amores, não rejeito nenhum.

Dois beijooooooooooooooooooooooooos

myra ha detto...

me desculpem, por favor, ter posto dois hoje e tao diferentes...mas esta monotonia rutinaria me cansou..espero estar melhor amanha:)

João Menéres ha detto...

Todos temos o direito de ter os nossos dias de ausência de bom humor, Myra !
E os teus seguidores e amigos compreendem muito bem isso !
Mas, mesmo nos dias em que estás cansada da monotonia, trazes-nos obras que apreciamos ver e sobre as quais nos permites divagar.
És uma enorme motivação para quem aprecia ARTE !

Um beijooooooooooooooooooooooooooooooooooo

TORO SALVAJE ha detto...

Me gusta más el último.

Besos.

Luísa ha detto...

gosto de ambos e ambos me lançam ideias diferentes!
A nova versão do "crepe", encripetou-me para uma nova missiva!
dá ideia de notícias, de boas novas, de envelope de amor carregado de boas novas! Papel de carta cheio de boas novas!
Sei lá...parece-me uma missiva...


O segundo, lembra.me a imagem da fiminilidade! De um peito de mulher pujante de sensualidade. Mas, porquê verde? Esperança?


Mil beijinhos, adMYRAvel senhora!

ana ha detto...

Myra,
Tão diferentes de facto. O mistério do branco translúcido, o quase ovo, essência do homem, leva-me a preferir o que aparece primeiro.
Beijinho. :))

redonda ha detto...

Gostei mais do outro bem diferente, porque me pareceu haver nele um jogo ou mistério :)
um beijinho
Gábi