domenica 6 ottobre 2013

algo dito pelo meu irmao:

....que importam os prêmios? O que vale mesmo é a realização que dá e o êxtase que a arte provoca em si (no criador) como potência inovadora de si mesmo. O fato de religar, revitalizar, revigorar é que dá à arte da escrita a importância que ela tem.
Renovar-se, muitas vezes, é abandonar algo que se fazia para fazer outras coisas. Ou não: renovar pode ser, simplesmente, começar. Mesmo que este começo seja aos 70!...
 

11 commenti:

✿ chica ha detto...

Lindas palavras do teu irmão e linda tela! beijos,ótimo domingo! chica

De barro y luz ha detto...

¡Qué grande y sabio tu hermano! Tú demuestras sus palabras día a día, obra a obra.


Bssss

João Menéres ha detto...

O teu irmão tinha toda a razão !
SSinto isso no concurso do Flinpo...

Um beijooooooooooooooooooo

ana ha detto...

Myra,
Um texto lindíssimo do seu irmão. Arrepiou por ser tão verdadeiro e profundo.
É feliz por ter alguém que a compreenda assim.
Vejo o fio de Ariadne neste seu trabalho e atravessa o mar.
Beijinho. :))

Isabel ha detto...

Concordo completamente com as palavras do seu irmão.
E a renovação, sobretudo na forma de aprendizagem, penso que a podemos e devemos fazer até ao fim da vida.
Espero ter a lucidez que me permita fazê-lo enquanto viver. Aprender, é não parar!

Gostei da pintura!

Um beijinho e bom domingo!

Li Ferreira Nhan ha detto...

Seu irmão Myra, quanta lucidez !!!
Beijos!!

TORO SALVAJE ha detto...

Los premios para los presuntuosos.

Besos.

Vieira Calado ha detto...

Penso que em certos aspectos, sim.
Pode-se renovar aos 70.
Noutros... já não dá...

*Obrigado pelo seu comentário no meu blog,

Paula Barros ha detto...

A sabedoria do seu irmão era impressionante. E ainda estamos usufruindo dos pensamentos dele.
Gostei da cor do seu trabalho.
beijo

lis ha detto...

Estou levando o texto_ obrigada! rs
abraços meus

Allan Robert P. J. ha detto...

Sábio irmão. Eu digo sempre: o importante é permanecer em movimento, não parar nunca.

:)