giovedì 27 marzo 2014

<>

Le frisson qui parcourt
Mon visage
M’entraine bien loin...
Là-bas
Dans les bras vivants
De mes morts bien-aimés

 

5 commenti:

João Menéres ha detto...

Fantástico este , Myra !
É mesmo lindo !
As rugas do teu rosto são muito lindas !
Toda uma vida aqui espelhada...



Um beijOOOOOOOOOOOOOOOOO

Paula Barros ha detto...

É uma beleza de cor vibrante, forte.
E gosto de observar que a sua criatividade sempre nos surpreende.
abraço

Jorge Pinheiro ha detto...

Des môts qui soutien. Des paroles qui marches.

Luísa ha detto...

Ontem o sono adormeceu-me cedinho e não vim ver tão enigmática pintura!
Bela porque em cor contente!
Intensa de intenção!
Beijinhos mil

Maria Manuela ha detto...

Palavras que brotam do coração... extraordinárias... e nos conduzem a vários ritmos de vermelho, acendendo brilhos e sombras !...
Trabalho fantástico !
Muitos beijinhos, querida MYRA, grande SENHORA !