martedì 6 maggio 2014

STORIA

trascinata gettata
qui dal destino
famigerato
non ci sono nata
"s-radicata"
dal paese
dove si, sono nata...
da piccola mi domandavo
elucubrava
su parole  fatti
sentiti visti
patria?
frontiera?
bandiera ?
mai intuiti
mai accetati
giunta nella citta
chiamata meravigliosa
apparsa Dominique
 scoperta l,amicizia
per anni l,ho adotatta
adirittura
adorata
ma strano
incoerente
f`ato
f`atto
addio
arrivo
dai Aztechi
felicita'
fra poco
svanita
da un
doloroso
avvenimento
inferocito
 destino
ce l,ha con me...

eppure
lotto
creo
splendide
fantasmagorie
vagheggio
sogno
ed  incontro
l, amore!
niente patria
ne bandiere
senza frontiere
come me...
ma''''
finita la storia
sto qui
 "s -radicata"
tuffata
nel buio




8 commenti:

João Menéres ha detto...

Em sonho fizeste uma viagem a um passado não esquecendo as cores que sempre te acompanharam.
Lindo efeito, mas o que mais importa é mesmo todos os que tiveram significado na tua vida !

Um beijOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

✿ chica ha detto...

Lindo passeio pela tua vida e culminando num lindo quadro alegre e colorido! Gostei! beijos,chica

Maria Manuela ha detto...

Desfolhando um pouco o Livro da Vida !...
Bela montagem, grande dinâmica (ritmos e sons a contraponto no vigor do traço)!

Livre e bela travessia, belo o seu colorido, querida MYRA !
Adorei !
Beijinhos, muitos !

myra ha detto...

amigas e amigos, me desclpan si nao estou indo ver seus blogs - que adoro - mas estou muito muito cansada...

Li Ferreira Nhan ha detto...

Myra não te preocupes! Descansa e cuida da saúde!
Fique bem e um grande beijo!

Paula Barros ha detto...

Myra, não se preocupa das visitas ao blog, se cuide, é o mais importante.
beijo

Luísa ha detto...

Beijinhos mil!

Allan Robert P. J. ha detto...

Tanta vida, tanta história. Nem sempre bela, nem sempre triste. Sempre vida.

:)