mercoledì 28 aprile 2010

rosée - au secours


des fleurs
assez fanées
appellent au secours
la rosée

rien à faire

c'est la grele
qui vient
les caresser
R.I.P

10 commenti:

TORO SALVAJE ha detto...

Efímera vida la de ellas.

Besos.

João Menéres ha detto...

Enquanto há vida, é preciso vivê-la!
Lindas as palavras.
R.I.P. ?

Wania ha detto...

Myra


Lindo post!
E pra entrar no clima... deixo uma rosa pra outra rosa!

Bjão, minha querida!

Chica ha detto...

Que maravilha e a s flores atécparecem ametistas lindas ...beijos,chica e uma dia bem lindo pra ti!

Brancamar ha detto...

Tão lindo este trabalho Myra! Adoro flores e estas estão impressionantemente belas!

Obrigada pela partilha e pelo texto, sempre tão terno e ao mesmo tempo realista.

Beijinhos
Branca

Memória de Elefante ha detto...

Como o ser humano quando recebe uma carícia,tudo se transforma...

Belas flores!


Um beijo

Allan Robert P. J. ha detto...

O impacto visivo é perfeito, nem precisava de palavras. :)

paula barros ha detto...

Linda flores mesmo que aparentem desbotadas, tem vida, tem cores.

Alguns carinho no renovam.

E me lembrou que às vezes queremos flores e recebemos espinhos...orvalho...granizo....

beijo

Luísa ha detto...

Liiiiiiiiiiiiiiiinnnnnnnnnnnnnnnnndddddddddddddddooooooooooooo! Violetas! Que belas as tornou a magia da sua arte!
Beijinho terno!

myra ha detto...

que bom que gostaram, obrigada!!!